5 Dicas para Transformar sua Gestão de Frotas

5-dicas-para-transformar-sua-gestão-de-frotas

Conseguir melhores resultados na gestão de frotas é um dos objetivos da grande maioria — senão de todos — os gestores. Mas, para alcançar resultados satisfatórios, é necessário fazer modificações, implementar melhorias e, principalmente, realizar controles. Se você não controla sua operação, dificilmente saberá identificar a causa dos gargalos e o que deve ser feito para que os problemas sejam eliminados.

Nesse artigo de hoje vamos oferecer algumas dicas que podem ajudar a transformar a gestão de frotas e conquistar o objetivo de apresentar resultados otimizados. Confira!

 

Faça a previsão de gastos

É possível prever alguns gastos que você precisará suprir em sua frota. Entre eles, podemos citar: gastos com manutenções preventivas, trocas de peças e acessórios e até mesmo a média de combustível.

Se você prevê seus gastos, é mais fácil se organizar para que eles caibam eu seu orçamento e dificilmente você será pego de surpresa com alguma conta que não estava prevista.

Confira também o nosso artigo sobre Como Prevenir Gastos na sua Gestão de Frotas com DVR Veicular.

 

Faça monitoramento de todas as entregas

Esse é um ponto que pode trazer diversos benefícios: você pode fornecer a seus clientes informações sobre a mercadoria e qual é o status do transporte, identificar desperdícios e controlar tempo de ociosidade de motoristas e do veículo.

Ou seja, é possível obter informações de diversos aspectos da operação com apenas um controle.

 

Faça controle de custos por viagem

Só é possível pensar em redução quando existe um controle efetivo da operação. Além disso, é através desse controle de custos que é possível realizar comparativos e saber onde estão os desperdícios ou os maiores gastos.

O controle de custos de viagem inclui abastecimento, refeições do motorista e pedágios.

 

Faça a gestão da disponibilidade da sua frota

Através disso você consegue controlar a disponibilidade de cada veículo para as entregas, além de ter acesso ao status das viagens de cada veículo em operação. É possível também estabelecer um cronograma para todos os veículos dentro de determinado período.

Você pode alinhar essas informações com o setor de vendas e informar sobre a capacidade total de entrega que sua frota consegue alcançar — isso porque é muito comum que esses setores trabalhem de forma independente, o que muitas vezes acaba fazendo com que o comercial venda muito mais do que a frota é capaz de suprir, ou que veículos fiquem ociosos por falta de programação por parte do comercial.

 

Faça monitoramento de prazos

Com rotinas apertadas, alguns gestores acabam perdendo prazos e pagando multas por atrasos no pagamento da documentação dos veículos da frota. Além disso, é preciso estar atento aos prazos para renovação de documentos.

Fazer a gestão de frotas de uma empresa não é uma tarefa fácil e pode acabar sendo desgastante, principalmente pelo fato de que os gestores sempre são pressionados para apresentar melhores resultados à diretoria. Claro que existem outras medidas que podem ser tomadas que irão ajudar a transformar sua gestão, mas as que citamos hoje são simples e podem contribuir para que grandes mudanças ocorram.

Agora, conte-nos: como é feita a gestão de frotas em sua empresa? Não deixe de ver também nosso artigo sobre O que um Gerente de Frotas Deve Considerar ao Escolher um Bom Sistema de Monitoramento.

 

Deseja contribuir com mais alguma dica? Deixe suas opiniões nos comentários e assine nossa newsletter para receber mais dicas como essas!

EBOOK-tudo-o-que-você-precisa-saber

2 respostas

Trackbacks/Pingbacks

  1. Transporte Escolar: 5 Dicas para Melhorar o Serviço
  2. Investir em um software de gestão de imagens vale a pena?

Envie um comentário